Páginas

sábado, outubro 28, 2006

Lima Barreto - Clara dos Anjos

Na minha opinião Lima Barreto é um dos maiores escritores da nossa literatura. Seu inconformismo diante de sua realidade de mulato e marginalizado por uma sociedade superficial, gerou obras de uma realidade contundente. Infelizmente o que o fez brilhante também o tornou miserável, o alcoolismo e a loucura minaram o gênio.
Neste livro, Clara dos Anjos, o enredo não é criativo, na realidade bem simplório, mas a descrição dos subúrbios caricas à época da primeira república é surpreendente. Quando numa passagem o personagem marginal passa pelo centro do Rio e caminha pelas suas ruelas é como se quem lesse passasse por ali e tivesse todas as impressões que o autor teve, neste quesito Lima Barreto é imcomparável.
Todas as personagens são um pouco de Lima Barreto, é nítido o esforço do autor em se auto-descrever e se colocar na pele dos personagens. Cada um traz um Lima hipertrofiado e se juntarmos todas elas muito provavelmente teremos Lima Barreto.

Nenhum comentário: