Páginas

terça-feira, novembro 06, 2007

No que o governo falha

Mais uma vez o governo mostrou-se incompetente e imprevidente. A crise energética que se abaterá sobre os brasileiros será pior que a última em 2001. O governo erra em não ter projetos conssietentes no que realmente importa, o bem estar e o conforto da sociedade e o bom funcionamento das forças produtivas. Vamos analisar alguns exemplos:
1-Energia - construir hidroelétricas ou outro tipo de usina é um investimento prolongado que muitas vezes só se concretiza após o fim do mandato, é arriscado politicamente. Além disso o ministério encarregado está sendo loteado pelo PMDB, que só tem interesses políticos e não sociais. O governo não prioriza esta área. Quantas usinas foram constriodas nestes 6 anos de lula? nenhuma.
2-Educação - o ensino universitário é muito caro e não há possibilidade do governo oferecê-lo para todos aqueles que querem, ai o governo investe quase todos os seus recursos nesta área, que contribui para formação de uma pequena parcela da população, mas não contribui muito com a sociedade, gerando privilégios e maior diferença social. O governo deveria deixar para iniciativa privada o ensino superior, se concentrando no ensino de base de qualidade, no que contribuiria enormemente para a formação de uma sociedade mais culta. Quem não tivesse dinheiro pegaria emprestado com formas justas de pagamento.
3-Saúde- a medicina individual é inviável para o governo, vc pode destinar 1 trilhão de reais que não se resolverá o problema, deixe para iniciativa privada o custeio dos procedimentos individuais. O governo deveria focar seus esforços na medicina dita da coletividade, ampliando os tipos de vacinas, investindo maciçamente em saneamento, o governo não consegue ofercer as duas coisas e não oferece nada.
4-Moradia - sem comentários, não existe política de moradia popular no Brasil.
5-Bolsa família - é muito interessante como instrumento de melhoria da qualidade em situações de crise, mas não resolve o longo prazo, privilegia o indivíduo e não a coletividade. O governo deveria desonerar a carga tributária e com isso novos empregos seriam gerados.

Eu poderia citar inúmeros erros, mas estes ao meu ver são os mais graves. O Brasil está no caminho errado, em poucos anos só vai sobrar o mercado financeiro.

Nenhum comentário: